Como resolver o mau cheiro do banheiro?

Como resolver o mau cheiro do banheiro?

Não é raro que, por diversas vezes, possamos sentir um cheiro estranho, vindo do nosso banheiro, seja do ralo do box ou da pia. A pergunta que fica, nessas horas, é: de onde está vindo, exatamente, esse cheiro e como vou conseguir eliminá-lo?

Provavelmente, este problema se originou durante a construção do banheiro, quando o encanador responsável pela obra não se preocupou com a ventilação que seria dada á rede de esgotos da residência.

Ou seja, no intuito de economizar no material utilizado na obra ou, mesmo, por não se tratar de um bom profissional da área, sem conhecimentos amplos de hidráulica, para mexer, com propriedade, nas instalações do domicílio, acabou por prejudicar a construção do cômodo, possibilitando o aparecimento de problemas futuros, como esse.

Isso porque, durante o ato da descarga, a água despejada no encanamento realiza o processo de sucção, que é quando ela é sugada, sem deixar a caixa sinfônica com nível de água suficiente para impedir que o mau cheiro saia.

Felizmente, para esse problema, há uma solução. Algumas mais complexas, custosas e demoradas. Outras, mais simples.

Uma das soluções seria refazer, por completo, a tubulação do esgoto. A não ser que ela já esteja sob solo concretado. Aí, o jeito é partir para outros métodos.

A praticidade pode ser a escolhida, utilizando um anti espuma, no ralo (caixa sinfônica). É preciso, apenas, colocar o anti espuma na quantidade certa (de 100 a 150 mm), dentro do ralo e girar no sentido horário. O processo é de fácil aplicação, vem minuciado no rótulo do produto e sua eficácia é indiscutível. Sua única desvantagem é que, quando se está tomando banho ou lavando o banheiro, a água descerá mais devagar. Mas, comparado aos benefícios que ele traz, isso é quase nada.

Outra opção é chamar uma desentupidora especializada, como a Limpa Fossa Porto Alegre, para realizar a desobstrução da caixa sinfônica.