Entupimento de esgoto em condomínio saiba como evitar

Entupimento de esgoto em condomínio saiba como evitar

Entupimento de esgoto em condomínio saiba como evitar entupimento de esgoto em condomínio é sempre sinônimo de incômodo e dores de cabeça, tanto para moradores, quanto para o síndico, que precisa resolver a situação.

Esta tendo entupimento de esgoto confira as dicas que separamos para você evitar essas surpresas indesejadas. O inconveniente fantasma do esgoto entupido chega quando a gente menos espera.

Causa desconforto e interfere na rotina dos moradores, ainda mais quando se trata de um condomínio com dezenas ou centenas de pessoas que podem ser prejudicadas.

Entenda quais são as causas do entupimento de esgoto e como prevenir:


Causas de entupimento de esgoto em condomínios

Antes de qualquer coisa, é preciso entender o que causam os entupimento de esgoto esses problemas. Infelizmente, na grande maioria dos casos, as obstruções são causadas pelos próprios moradores, devido à má utilização das instalações.

Tudo o que é jogado no ralo ou descarga abaixo e que não são próprios para eles, pode resultar em entupimento. O vaso sanitário, por exemplo, tem uma tubulação adequada para receber dejetos humanos.

Se você começar a descartar materiais como absorventes, preservativos e afins, é muito provável que eles emperrem durante o trajeto e causem obstrução nos canos.


Conheça os principais vilões do entupimento

O banheiro é o campeão de entupimentos. Tudo o que é jogado no vaso que não é dejeto humano, pode ser prejudicial para a tubulação.

Na pia e no ralo, os pelos e cabelos são os principais causadores de problemas. Na cozinha, o perigo está no descarte de óleo e restos de comida no ralo da pia.

Na lavanderia, os objetos esquecidos nos bolsos e fiapos das roupas podem causar obstrução. No quintal, os principais vilões são as folhas e a poeira que entram pelos ralos.

Quando se trata de condomínio, essa situação pode ser agravada, visto que são diversos apartamentos e que a soma do mau uso de vários pode acarretar, ainda, no entupimento das colunas coletoras.

Por isso é tão importante a conscientização coletiva.


Prevenção contra entupimentos

Sem dúvidas, a melhor maneira de evitar dores de cabeça e gastos com desentupimento é a prevenção. Por mais batido que seja o assunto.

É importante que o condomínio promova ações educativas de boas práticas quanto ao uso das instalações. Entre as principais recomendações para evitar entupimentos no condomínio, estão:


No banheiro

No vaso, somente dejetos humanos. Ao tomar banho, junte os cabelos que ficaram no ralo e jogue no lixo. Isso evita que eles causem obstrução ou ainda deixem aquele cheiro desagradável, quando estão deteriorando.

Na pia do banheiro, após se barbear ou se pentear, recolha os pelos e fios cabelos que ficam na superfície da pia e jogue no lixo.


Na cozinha

Antes de colocar as louças para lavar, raspe todos os restos de comida no lixo. Mantenha o ralo da pia sempre com peneirinha, para que os restos de comida renascentes sejam barrados ali e não desçam pelo cano.

Nunca dispense o óleo de cozinha no ralo. Ele gruda nas paredes da tubulação e, com o tempo, causa obstrução. Opte por colocar o óleo utilizado em uma garrafa pet e dê a destinação correta a ela.


 Evite entupimento de esgoto na lavanderia

Antes de colocar as roupas na máquina de lavar, verifique se não existem pequenos objetos nos bolsos, moedas ou papéis. No tanque, utilize uma peneirinha no ralo e, ao final da utilização, jogue os resíduos que ficarem no lixo.

Isso impede que fiapos de roupas passem para a tubulação e ocasione entupimento.


Realize manutenções preventivas e evite entupimento de esgoto

A manutenção preventiva é essencial para prevenir problemas com entupimento. Com as manutenções do condomínio em dia.

Existem menos chances de você ser pego de surpresa com a obstrução de canos e colunas coletoras. Converse com uma desentupidora especializada e veja como ela pode ajudar o seu condomínio.


Dicas para evitar problemas de entupimento em condomínios

Se os problemas com entupimentos já são uma coisa desagradável para quem mora em casa, imagine os transtornos que podem causar para uma edificação bem maior.

Onde convivam ou trabalhem várias pessoas, como um condomínio residencial ou comercial? É por isso que a rede de esgotos deve ser bem utilizada pelos usuários do prédio.

E todos devem colaborar para que não ocorram interrupções da vazão natural dos esgotos e efluentes humanos. Veja algumas dicas para evitar entupimentos em seu condomínio!


Não jogue óleo ou gordura nas pias da cozinha

As donas de casa e as empregadas domésticas frequentemente desprezam o óleo de frituras e a gordura nas pias da cozinha ou no tanque.

Essa é uma prática danosa para a rede de esgotos, porque esses materiais se solidificam no interior dos canos, vão se acumulando com o tempo, e chegam a entupir as tubulações.


Não jogue materiais sólidos no vaso sanitário

Muitos entupimentos são causados pelo descarte incorreto de materiais nos vasos sanitários. Absorventes, preservativos, fios dentais e outros objetos que não são biodegradáveis, mas feitos de plástico.

Como tampas de recipientes e cotonetes, por exemplo, devem ser jogados adequadamente nos cestos de lixo ou locais apropriados para que não atrapalhem o fluxo natural dos detritos e o escoamento da água pelo encanamento.

O mesmo vale, em muitos condomínios, para o excesso de papel higiênico.


Usar proteção nos ralos para evitar entupimento de esgoto

É importante que sejam colocadas grades, grelhas ou outras peças que impeçam ou dificultem a passagem de materiais pelos ralos de pias, lavatórios, tanques e espaços de banho.

Existem ocasiões para as quais as pessoas dificilmente dão atenção, como os cabelos que ficam no ralo do lavatório ou os pelos que caem na pia do banheiro ao fazer a barba.

O acúmulo gradual de vestígios como esses poderá, mais tarde, causar um entupimento. Com peças de contenção aplicadas sobre os ralos e sumidouros.

As pessoas poderão tranquilamente pegar os resíduos e descartá-los nos lugares apropriados.


Faça comunicados educacionais no condomínio

Muitas pessoas não cumprem as boas práticas de controle e descarte porque não receberam as explicações certas para adotá-las em sua rotina.

O síndico do prédio, a administradora ou os condôminos mais participativos podem enviar comunicados educacionais para os moradores ou pendurá-los nos quadros de aviso ou interior dos elevadores.


Invista em manutenções preventivas

Mesmo com tantas informações, não dá para saber ao certo se todo mundo está fazendo a sua parte. Antes de ter que passar pelo problema e ter que desobstruir alguma coluna de esgoto do prédio.

Vale a pena investir em manutenções preventivas, geralmente realizadas de seis em seis meses, o que ainda pode sair bem mais barato para os condomínios.

Além de conseguir mais segurança e sossego, ao contratar uma empresa especializada você vai contar com uma equipe bem preparada.E os equipamentos corretos para ver solucionado qualquer problema.

O seu condomínio tem apresentado problemas com entupimentos ultimamente ou alguma vez já passou por contratempos mais sérios por causa de obstrução na rede de esgoto?