Esgotamento de fossa: O que precisa saber

Esgotamento de fossa: O que precisa saber

Você já ouviu falar em esgotamento de fossa? Esse é um procedimento bastante comum, também conhecido como limpa-fossa ou simplesmente limpeza de fossa, ele consiste em retirar os dejetos dentro da fossa séptica para evitar o seu funcionamento.

A fossa séptica é uma estrutura importantíssima e fundamental para o dia a dia de muitos locais, principalmente aqueles afastados de grandes centros urbanos e que não contam com a coleta de esgoto.

A Limpa Fossa Porto Alegre 24 Horas atua neste segmento por mais de 20 anos, sempre entregando um trabalho excelente e sem surpresas para nossos clientes. Com isso em mente, estamos trazendo uma série de assuntos interessantes e que você precisa saber sobre o esgotamento de fossa.

Esgotamento de fossa – O que você precisa saber

A fossa séptica é um sistema complexo de tratamento de esgoto, mesmo que seja usado em ambientes considerados mais “simples”. Apesar de não estar ligada com a rede de esgoto e com um sistema de tratamento moderno, existe uma série e procedimentos que tornam a fossa um sistema complexo.

Como funciona a fossa séptica

É muito importante entender como a fossa séptica funciona para saber o porque a limpeza e o esgotamento são tão importantes. Inicialmente, através de um processo de decantação, a fossa séptica faz a divisão dos resíduos sólidos do esgoto.

Ela retém os efluentes de uma casa em sua primeira “câmara”. Durante este primeiro momento, o material sólido acaba sedimentando no fundo da fossa, formando o lodo, enquanto a parte líquida permanece acima dessas substâncias, flutuando na água.

A partir deste momento se dá uma complexa cadeia de eventos desencadeados por bactérias anaeróbicas. Esses micro-organismos trabalham para anular a nocividade do material presente na água. Esse processo reduz os resíduos sólidos, líquidos e estabiliza a ação dos gases. A partir deste momento é possível jogar o líquido de volta à natureza sem contaminações.

Durante todo esse procedimento, os gases devem escapar através de estruturas criadas na própria fossa.

O lodo que fica no fundo da fossa séptica é o material sólido que não pôde ser decomposto durante esse processo. O seu retorno para o ambiente pode causar danos e a exposição aos humanos traz doenças. Por isso que a manutenção e limpeza da fossa são tão importantes.

Como é feito o esgotamento de fossa séptica

Como mencionamos, o material que sobre dentro da fossa pode ser prejudicial para o meio ambiente, por isso ele precisa ser esgotado e limpo de maneira correta e -nunca ser descartado no meio ambiente-. Cada fosse tem suas particularidades para limpezas, porém, existe um certo padrão para o procedimento.

A primeira etapa é a abertura das tampas da fossa, para que os gases possam escapar. Esse é um procedimento que não demora muito, mas é uma importante medida de segurança para garantir o bem-estar do operador dos equipamentos de limpeza.

Com os gases liberados, é usada uma mangueira de sucção para retirar os resíduos sólidos de dentro da fossa. Geralmente essa sucção é feita através do uso do caminhão limpa-fossa. Esse caminhão, além da mangueira de sucção, também conta com um contêiner especializado para esse tipo de material, que garante que não haverá derrame durante o transporte.

Agora, a empresa que realizou a limpeza deve sempre levar o dejeto até um aterro licenciado para realizada o despejo. Pronto! Com isso a fossa está limpa e pronta para ser utilizada por mais um tempo.

Qual a periodicidade para esgotamento de fossa?

A periodicidade do esgotamento de fossa séptica não é uma ciência exata, afinal, isso depende de diferentes fatores que envolvem o uso da fossa, a quantidade de pessoas no ambiente, o tamanho do ambiente, o tamanho da fossa e outros fatores.

A melhor forma é calcular de acordo com as informações do fabricante ou então do responsável pela construção da fossa séptica. Apesar da falta de periodicidade exata, é recomendado que as fossas sejam esvaziadas em um período trienal, ou seja de 3 em 3 anos para evitar problemas. Caso o uso seja moderado, com uma família de até 4 pessoas.

Ambientes com mais de 4 pessoas, recomenda-se um tratamento de 1 vez por ano ou então a cada 6 meses. É preciso observar a necessidade de cada estrutura e sempre seguir as recomendações do fabricante.

Quem deve realizar o esgotamento de fossa?

O esgotamento, ou limpeza, deve sempre ser feita por uma empresa devidamente licenciada e que esteja de acordo com todas as regras e normas exigidas pelo segmento. Esse é um passo importante, para proteger a fossa e para proteger o meio ambiente.

A Limpa Fossa Porto Alegre 24 Horas atua de acordo com todas as normas necessárias, utilizando frota própria e profissionais treinados. Realizados o despejo apenas em locais legalizados, protegendo assim o meio ambiente! Entre em contato com a gente e conheça mais sobre nossos serviços de limpa-fossa.