Fossa séptica importância para saúde

Fossa séptica importância para saúde

Fossa séptica importância para saúde Muitas regiões do Brasil ainda não contam com uma rede de esgoto bem estruturada e, por isso, milhares de imóveis não estão conectados nestas redes.

Sem contar as casas que estão em zonas rurais e não conta com sistema de esgoto. Isso pode gerar um grande problema de saúde pública causado pelos detritos lançados livremente no meio ambiente, mas a fossa séptica é um fator indispensável para evitar estes transtornos ambientais.

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, as fossas sépticas não são apenas uma forma de se manter o esgoto das residências embaixo da terra e onde não possam incomodar as pessoas. Apesar de seu uso ser bem antigo, elas são consideradas até hoje a melhor estação de tratamento de esgoto domiciliar que existe.

As fossas sépticas são muitas vezes confundidas com as fossas secas. A primeira é uma opção de tratamento do esgoto onde a água e os gases retornam para a natureza de forma saudável e limpa. Já a segunda é um buraco destinado para receber o esgoto. Por isso, o segundo costuma causar mal cheiro nas residências, problema que não acontece com as fossas sépticas.

A funcionalidade dessas fossas é simples e eficiente. Por isto é fácil ser implantada, ajudando a evitar colapsos na saúde e problemas ambientais que colocam em risco a existência da humanidade. Esses são alguns dos motivos para elas serem obrigatórias em residências que não são atendidas pelas redes de esgoto.

A importância da fossa séptica para a saúde pública é crucial. Muitas doenças são transmitida através da contaminação do ambiente em que vivemos e por isto é importante tratar bem toda a água que retorna para a natureza. Estima-se que seis mil crianças morrem por dia no mundo por consumirem água imprópria para consumo. Sem essas fossas, o número poderia ser muito alto também no Brasil.

Sem o uso de substância químicas, as estações de tratamento de esgoto caseiras usam apenas algumas regras básicas da biologia e ajudam a eliminar impurezas e substâncias tóxicas que voltariam para nossa terra, comida, água e ar.

Além do impacto direto que as estações caseiras de tratamento trazem para a saúde pública, elas também trabalham para manter o meio ambiente funcionando bem e preservando a vida do homem na Terra.

Entre as principais funções da fossa séptica está a não poluição dos mananciais. Os mangues são o berço de boa parte da vida animal de nosso País. Pássaros, peixes e répteis se reproduzem neste ambiente rico e cheio de vida. Sem um bom tratamento, estes locais já estariam todos destruídos causando um grande impacto ambiental em nossas vidas, destruindo boa parte dos nossos recursos naturais e nos obrigando a mudar todos os hábitos e cultura.

Outra coisa que é protegido através das fossas sépticas é a água potável. Estimasse que a maior parte da água potável do mundo está debaixo da terra. O Brasil é um país rico em recursos hídricos e conta com quase 12% de toda a água doce do mundo.

Se não fosse pelos sistemas de tratamento caseiros com as fossas sépticas e as redes de esgoto, os lençóis freáticos, nome dado aos lagos subterrâneos, já estariam completamente infectados e impróprios para o consumo. Ou seja, se já passamos por uma crise hídrica atualmente, imagina se não tivéssemos como recorrer a estes recursos.

A importância da fossa séptica para a saúde pública e meio ambiente é inimaginável. Sem elas, poderíamos viver em um grande colapso. Por isso, é importante mantê-la sempre com um bom funcionamento e fazendo limpeza para que todo o serviço das bactérias, de manter o meio ambiente limpo, não seja em vão. E não se esqueça: Para limpeza de fossas e transporte de efluentes, conte com a Limpa Fossa.

Por: Fossa séptica importância para saúde